Identificar o efeito causador e instalar o tratamento deve ser priorizado para evitar danos maiores aos olhos. Desse modo, o oftalmologista deve ser procurado logo no início dos sintomas. Confira como evitar esse desconforto:

Quais são as causas de coceira nos olhos?

São três os possíveis fatores para desencadear a coceira nos olhos:

  • Ambientais: quanto maior a temperatura do ambiente e mais seco o clima são mais encontradas poeiras e partículas no ar, o que pode predispor uma crise;
  • infecciosos: como por exemplo as conjuntivites, que podem ser causa ou consequência da coceira e as alergias, especialmente a rinite.;
  • e as reações alérgicas a medicamentos ou alimentos.

Por que coçamos os olhos?

O maior fator contribuinte para as crises de coceira ocular é a liberação de células de defesa do corpo e mediadores de reações inflamatórias. Lendo assim, parece difícil de entender, mas não é! Estamos falando aqui da histamina (substância liberada pelo corpo durante crises alérgicas) e dos mastócitos (células de resposta a inflamação atuam conjuntamente no combate ao processo alérgico). Suas reações podem desencadear coceira, muitas vezes intensa.

Quando associada a mudanças climáticas, regiões poluídas e locais secos, com grande quantidade de partículas e substância alergênicas no ar, esses efeitos são ainda maiores. Essas próprias substâncias também contribuem para a vermelhidão e inchaço nos olhos, por dilatarem os vasos sanguíneos.

Quais os danos de coçar os olhos?

O ato de coçar os olhos causa doenças muitas vezes graves. Pode afetar córnea, conjuntiva, retina, enfim, diversas estruturas dos olhos.

A conjuntivite pode ser uma complicação ou mesmo uma causa da coceira. As conjuntivites bacterianas e virais podem ser desencadeadas pelo simples fato de levar até os olhos o dedo com os micro-organismos. Outra causa de conjuntivite é a forma alérgica, junto a doenças como a rinite, sinusite e bronquite. Os tratamentos são baseados no uso de colírios, seja antialérgico, antibiótico ou anti-inflamatório.

LEIA TAMBÉM:  Entenda o que é conjuntivite e quais são suas causas mais comuns

O trauma direto causado pela coceira também pode lesar a córnea, causando a chamada a úlcera de córnea. Essa complicação pode ser grave e deve ser tratada com cicatrizantes locais ou até mesmo transplante de córnea, nos casos mais graves.

O que fazer quando meu olho coçar?

Logo no início dos sintomas um oftalmologista deve ser procurado. O acompanhamento com o médico ajuda a determinar a(s) causa(s) e instalar o tratamento adequado, para prevenir qualquer tipo de complicação desse ato comum, porém perigoso.

Ficou com alguma dúvida? Não hesite em deixar um comentário para os nossos especialistas. Confira também outros posts em nosso blog e fique a par das notícias sobre a saúde dos olhos!

Posts Relacionados

Ricardo Filippo
Oftalmologista
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Para mais informações sobre sua experiência na área,
clique aqui.