posso nadar com lentes de contatoAs lentes de contato são alternativas para as pessoas que não se adaptam ao uso dos óculos, seja por questão médica ou estética. Por estarem em contato direto com os olhos, elas pedem mais cuidados com a limpeza, manuseio e conservação. Se você é daquelas pessoas que passam dias com as lentes sem retirá-las nem mesmo para tomar banho ou dar um mergulho na piscina, mar ou lago, é preciso repensar urgentemente esse hábito. Mais que o risco de perder as lentes na água, você pode comprometer seriamente sua saúde visual.

Veja a seguir por que não devemos nadar com lentes de contato.

Por que não é recomendável nadar com lentes de contato?

As lentes de contato têm estruturas porosas que podem facilmente reter impurezas que estejam na água, como partículas de sujeira, bactérias, protozoários e fungos. Uma vez em contato com os olhos, essas impurezas e micro-organismos podem causar irritações, inflamações, infecções e lesões que, em casos mais graves, podem levar até mesmo a um comprometimento da visão.

Quais são os riscos de nadar com lentes de contato?

Apesar de ser uma condição rara, um dos grandes perigos de nadar com as lentes de contato é a contaminação por um protozoário chamado Acanthamoeba, muito comum em águas doces e salgadas. Esse micro-organismo é encontrado, inclusive, no abastecimento doméstico, por isso a recomendação de retirar as lentes também para tomar banho de chuveiro.

A Acanthamoeba pode causar uma infecção na córnea chamada ceratite ou queratite. Os sintomas incluem dor, sensibilidade à luz, sensação de corpo estranho nos olhos, lacrimejamento, visão desfocada e olhos vermelhos e irritados por longo período, mesmo após a retirada das lentes.

LEIA TAMBÉM:  Saiba como cuidar dos seus óculos de grau da maneira certa

É bom lembrar que a contaminação com esse protozoário também pode ocorrer ao se esfregar os olhos, caso as mãos estejam contaminadas.

Se houver demora no diagnóstico, a ceratite pode se agravar e causar até mesmo a perda da visão. O tratamento é feito com colírios antifúngicos, que devem ser prescritos pelo oftalmologista.

Quais os cuidados ao nadar com lentes de contato?

O melhor é sempre retirar as lentes para nadar. Se não for possível, a recomendação é utilizar lentes de contato descartáveis, que possam ser trocadas após a natação. Use sempre os óculos de natação para proteger as lentes e os olhos quando abri-los embaixo d’água, mesmo que você use as lentes descartáveis.

Por que não usar água corrente para higienizar as lentes?

Como dissemos, a Acanthamoeba também é muito comum na água doméstica. Por isso, evite lavar as lentes e o estojo de proteção com água corrente para evitar contaminação. Use sempre os produtos específicos para a limpeza. Faça a troca regular das suas lentes de contato de acordo com as recomendações do fabricante e siga as orientações do seu oftalmologista para uso e higienização. Assim, você garante a boa saúde dos seus olhos e o uso correto das lentes de contato.

E você? Sabia de todos esses riscos de nadar com lentes de contato? Deixe seu comentário e compartilhe com a gente suas dúvidas sobre como cuidar bem dos olhos!

E não esqueça de visitar o seu oftalmologista de confiança regularmente!

Posts Relacionados

Ricardo Filippo
Oftalmologista
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Para mais informações sobre sua experiência na área,
clique aqui.