Por que a cor dos olhos do bebê mudaJá notou que os olhinhos dos bebês ao nascerem geralmente são mais claros? Com o passar do tempo, a tonalidade vai mudando, ficando mais escura. Você por acaso sabe por que isso acontece? Pois acompanhe nosso post de hoje e entenda os motivos para a cor dos olhos do bebê mudar! Mas saiba desde já que isso definitivamente não é motivo de preocupação, viu? Então vamos lá?

A importância da melanina

Antes de mais nada é preciso entender que o que define a cor dos olhos de uma pessoa é a quantidade de melanina que ela possui em sua íris — um músculo importante do olho. A melanina, sendo uma proteína que tem pigmento, só é produzida com estímulo constante, que, nesse caso, é a luz. Assim, as células da íris só produzirão melanina quando o olho for submetido à luz do ambiente. O que ocorre é que os bebês passam nove meses no escuro quando estão no útero da mãe, e, portanto, não têm nenhum estímulo para a produção de melanina. E é por isso que os pequenos normalmente nascem com olhos azuis, verdes ou em cinza ou castanho bem clarinhos. Ah, e é importante lembrar que a melanina não só define a cor dos olhos, mas também é a responsável pela coloração da pele e dos cabelos.

A ação do tempo

Depois que nascem, as crianças demoram cerca de seis meses para produzir a melanina dos olhos. E esse tempo ainda pode se estender para até dois anos, quando o bebê normalmente já tem a reserva completa do pigmento em seus olhos. Então é simplesmente impossível dizer qual será a cor definitiva dos olhos da criança até ela acabar de produzir toda a melanina em seus olhos. Antes disso, os pais só podem criar expectativas e dar palpites. É importante ressaltar que essa mudança de cor é um processo natural, que não acarreta risco algum para o desenvolvimento da criança.

A influência da genética na cor dos olhos

teste do reflexo vermelho é um exame importante no nascimentoOutro fator importante para a definição da cor dos olhos do bebê é sua carga genética e, consequentemente, a dos seus pais e dos seus avós. Por isso, normalmente os filhos de pessoas de olhos castanhos também terá olhos mais escuros. Apesar disso, algumas surpresas são possíveis. Uma pessoa de olhos azuis pode passar essa característica genética apenas para seus netos ou bisnetos, por exemplo — é o famoso salto de geração. Uma família com pessoas de diversas etnias e origens normalmente não pode contar com a previsibilidade em relação à cor dos olhos dos recém-nascidos.

LEIA TAMBÉM:  Olhos dos bebês lacrimejando e remelando: o que pode ser?

Então, devido à produção demorada de melanina e à genética variável de uma criança, é difícil dizer qual será a cor de seus olhos logo quando nasce. E lembre-se de não há nada que possa ser feito para mudar a cor dos olhos do bebê, ok? É só deixar a natureza seguir seu curso.

Tem mais alguma dúvida sobre a cor dos olhos dos bebês ou sobre o desenvolvimento da visão em uma criança? Deixe seu comentário e compartilhe seus questionamentos conosco! E aproveite para conferir este post sobre o teste do olhinho e este outro com dicas para garantir a saúde dos olhos das crianças!

E que tal ler um pouco mais sobre as crianças em nossos artigos relacionados:

E não deixe de visitar o seu oftalmologista de confiança regularmente!

Posts Relacionados

Ricardo Filippo
Oftalmologista
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Para mais informações sobre sua experiência na área,
clique aqui.