Usar maquiagem faz mal aos olhosVocê acorda, lava o rosto, passa seus produtos diários e a maquiagem nos olhos. Durante o dia, retoca o rímel que já parece ter saído do lugar. Volta para casa e, na hora de dormir, se esquece de lavar o rosto. No dia seguinte, a cena é até um pouco assustadora: olhos pretos, borrados, que até lembram um urso panda. Mas será que essa prática tão comum pode afetar a saúde dos olhos?

A resposta é: sim! Alguns costumes equivocados no que se refere à maquiagem aumentam ainda mais os riscos. Pensando nisso, vamos te explicar hoje como cuidar dos seus olhos sem abrir mão da maquiagem:

Existe risco em se maquiar?

Os principais problemas com a maquiagem estão relacionados aos produtos fora do prazo de validade. Comumente, rímel, lápis ou pó compacto ficam por anos guardados em estojos ou atá mesmo em prateleiras de lojas de cosméticos. Esses produtos com data de validade vencida podem causar reações alérgicas, dermatites e acne na pele da face, pescoço e pálpebras, além de carregar bactérias ou fungos que podem causar conjuntivite.

Lápis de olho

visão nítida de longe e pertoUm fator importante no caso do lápis de olho é que, dependendo da quantidade utilizada, as glândulas localizadas na face interna das pálpebras podem se entupir, levando a um aumento na incidência de hordéolo, conhecido como terçol ou, popularmente, “bonitinha”.

O canal lacrimal também pode ser obstruído, causando alterações na qualidade da lágrima e até mesmo dacriocistite, uma infecção do ducto nasolacrimal, responsável pela drenagem da lágrima.

Pacientes que fazem uso de lentes de contato devem estar atentos ao aplicar o lápis, pois podem borrar as lentes com isso. A dica é utilizar pequenas quantidades sempre na parte externa da pálpebra.

Rímel

Não é proibido usar rímel todos os dias, porém, sempre use com os cuidados necessários para não causar problemas aos olhos. Quando utilizado, o rímel deve ser retirado antes de dormir, pois o contato direto com os olhos por um tempo prolongado pode causar conjuntivite por acúmulo de micro-organismos ou mesmo pequenas lesões de córnea.

Dormir com maquiagem faz mal?

A rotina desgastante faz com que muitas pessoas não retirem a maquiagem a noite. Esse hábito deve ser evitado graças aos possíveis danos que podem causar à saúde ocular. Ficar maquiada aumenta a chance de infecções como conjuntivite e alergias na pele, muitas vezes percebidas por inchaço nas pálpebras, vermelhidão e coceira, além da sensação de corpo estranho dentro dos olhos.

Que cuidados devo ter?

Muito cuidado ao fazer a maquiagem da região próxima aos olhos, pois é delicada e propícia a infecções e traumas. O lápis deve pintar as pálpebras apenas do lado de fora, em pouca quantidade e com cuidado para não encostar na córnea, parte mais externa dos olhos. O rímel deve ser de preferência lavável, para sair com facilidade. Apostar em um bom demaquilante ou xampu infantil para retirar a maquiagem é muito importante e pode prevenir muitas complicações.

Ficou com alguma dúvida? Não hesite em deixar sua perguntas nos comentário. Aproveite também para ler outras matérias que podem te ajudar a manter sua saúde ocular!

E você, tem consultado o seu oftalmologista de confiança regularmente ?

Posts Relacionados

Ricardo Filippo
Oftalmologista
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Para mais informações sobre sua experiência na área,
clique aqui.