Vista cansada: saiba como reconhecer os sintomas e se prevenir

Dê sua nota!

Ao se aproximar dos 40 anos, muitas pessoas começam a apresentar dificuldades para ler ou visualizar alguns objetos de perto. Esse problema é uma consequência natural do envelhecimento e pode ser causado pela presbiopia, ou mais conhecida como vista cansada.

Essa condição é uma alteração fisiológica que não pode ser evitada, pois com o envelhecimento, os músculos ciliares começam a enfraquecer, impedindo que o cristalino se adapte às diferentes necessidades do foco. Os primeiros sintomas são dor de cabeça, cansaço visual e a necessidade de afastar os objetos para enxergar melhor.

Neste post vamos apresentar as principais informações sobre vista cansada. Confira!

Quais são os fatores de risco?

Alguns fatores de risco podem favorecer o cansaço das vistas, como:

  • condições de saúde, em que diabetes, doenças cardiovasculares e anemia podem aumentar o risco da presbiopia precoce, ocorrendo antes dos 40 anos;
  • idade, na qual muitas pessoas acima de 40 anos apresentarão algum grau da doença, já que é um processo natural do envelhecimento;
  • medicamentos, como diuréticos e antidepressivos que podem aumentar as chances da vista cansada precoce.

Além dos fatores citados acima, pessoas com dieta desbalanceada e mulheres são mais suscetíveis ao problema.

Quais são os sintomas da presbiopia?

A vista cansada tem sintomas parecidos com a hipermetropia, o que faz com que as pessoas comecem a afastar os objetos para conseguir enxergar corretamente. Confira a seguir outros sintomas que evidenciam a fadiga da visão:

Olhos vermelhos

Quando se passa muito tempo fazendo esforços com os olhos, um dos primeiros sinais que aparecem é a vermelhidão. Ela começa pelas bordas, mas provavelmente toda a parte branca será afetada. Se os esforços se concentrarem em frente à tela do computador, a vermelhidão pode surgir ainda mais rapidamente.

Inchaço

O inchaço nas pálpebras também pode ser um indício da vista cansada. O que acontece é o acúmulo de líquidos na região dos olhos, e caso os sintomas cheguem a esse ponto, o ideal é procurar um oftalmologista.

Além disso, para ajudar a diminuir o inchaço e voltar a ter os olhos com a aparência normal, basta fazer uma compressa fria. Coloque gelo dentro de um saco plástico, proteja com uma toalha e apoie na região dos olhos.

Visão dupla e diminuição da acuidade visual

Quando existe um esforço excessivo dos olhos, eles começam a falhar em sua principal função, que é a de enxergar com nitidez. Assim, se você apresenta sintomas de visão dupla e diminuição da acuidade visual, é preciso dar um descanso para os olhos.

Esses sintomas são passageiros e podem desaparecer com uma boa noite de sono. No entanto, caso você continue a ter dificuldades para enxergar mesmo depois de dormir, procure um médico especializado.

Dificuldade para enxergar em ambientes escuros

Um sintoma muito comum da vista cansada é a dificuldade para enxergar em ambientes mal iluminados. Isso ocorre porque os olhos se esforçaram acima do normal para manter a visão em ambientes iluminados. Além disso, letras que podiam ser lidas normalmente aparecem borradas.

Dores de cabeça

A vista cansada não diagnosticada e não tratada pode colocar os olhos em uma posição de muito esforço. Quanto mais se demora a fazer o diagnóstico, mais eles terão que trabalhar para enxergar nitidamente. Logo, a consequência principal é a dor de cabeça, que aumenta à medida que a presbiopia progride.

O que fazer para amenizar a vista cansada?

Alguns cuidados podem ser tomados para tentar amenizar os sintomas da vista cansada. Confira o que é possível fazer:

Afaste os olhos da atividade

Em muitos casos, a vista cansada acontece quando você se envolve em uma única atividade por um longo período de tempo sem interrupção. O ideal é mudar o foco de alguma atividade para algo diferente a cada 20 minutos. Além disso, dê uma pausa maior caso você tenha ficado o dia inteiro na frente de um computador.

Posicione a tela do computador corretamente

Além de fazer uma pausa, certifique-se de manter a tela do computador na distância e na posição correta. A tela precisa estar a poucos metros de distância dos olhos ou no comprimento do braço. Ademais, a regra também vale para os dispositivos digitais de mão, que devem ficar abaixo dos níveis dos olhos.

Outra dica é aumentar o tamanho da letra do celular para melhor atender o seu nível de conforto.

Use colírio

O foco intenso, principalmente quando se visualiza uma tela, pode resultar na diminuição de vezes em que se pisca. Quando isso acontece, os olhos podem ficar irritados e secos, o que provoca bastante desconforto. Assim, é possível resolver o problema com o uso de colírios como lágrimas artificiais.

Quais os tratamentos podem ser realizados?

A presbiopia não apresenta cura, mas pode ser estabilizada e corrigida por meio de um tratamento adequado. Confira quais são os melhores tratamentos para o problema:

Lentes de contato e óculos de grau

O uso de óculos é um jeito comum de melhorar os sintomas causados pela vista cansada. As lentes dos óculos são similares ao cristalino, o que compensa a sua menor flexibilidade e fazem com que a imagem se projete de maneira correta na retina.

O correto grau dos óculos precisa ser receitado pelo oftalmologista. Geralmente, as lentes usadas em óculos indicados para a presbiopia são lentes positivas, com uma adição especial de grau para a vista cansada. A lente atua como uma máquina de zoom, direcionando a imagem até a retina.

As lentes de contato agem da mesma maneira que os óculos, mas não são visíveis, o que as tornam melhores esteticamente.

Cirurgia refrativa

Nesse tipo de cirurgia, uma técnica chamada Lasik corrige erros refrativos (hipermetropia, miopia e astigmatismo), o que muda o formato da córnea.

No entanto, a longo prazo, esse procedimento não garante segurança em relação ao resultado, pois é a hipermetropia que é corrigida, onde há alteração na córnea, e não no cristalino

Cirurgia facorefrativa

Nessa cirurgia, existe a mudança do cristalino por uma lente artificial de acrílico. Assim, o paciente fica com um cristalino artificial, parecido com que ocorre na cirurgia de catarata.

Como vimos, a vista cansada é um problema que afeta muitas pessoas a partir dos 40 anos. Por isso é muito importante manter visitas regulares ao oftalmologista para a detecção de doenças e dificuldades da visão.

Gostou deste conteúdo? Tem alguma dúvida? Você sofre com a vista cansada? Deixe um comentário em nosso post e conte para a gente!

Mario Filippo
Especialista em Cirurgia Refrativa a Laser e Ceratocone
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Para mais informações sobre sua experiência na área,
clique aqui.

Posts Relacionados