Como cuidar das lentes de contato

Como cuidar das lentes de contato: As lentes de contato são uma das opções para aquelas pessoas que não gostam ou não podem usar óculos. Algumas pessoas precisam das lentes para cuidar de problemas oculares e outras optam por conta da estética. 

Independente disso, é necessário que se cuide corretamente das lentes para se atentar à saúde dos olhos. 

Importância de cuidar das suas lentes de contato

De acordo com os pesquisadores César Lipener e Camila Baracat Mendina, da UNIFESP, cuidar corretamente das lentes de contato é fundamental para que o uso seja feito. 

Segundo eles, no artigo Sistemas atuais de cuidados e manutenção de lentes de contato, o uso incorreto e a falta de cuidados “podem aumentar o número de infecções corneanas através da proliferação de microorganismos como bactérias, fungos, parasitas, vírus”.

Algumas doenças oculares graves podem ser originadas pela falta de cuidados. É o caso da ceratite por Acanthamoeba, que pode chegar ao transplante de olho ou à cegueira, por exemplo. 

Causada por um protozoário presente na água, essa doença pode ser facilmente evitada. O cuidado correto das lentes de contato é a forma mais eficaz. A seguir, vamos ver como realizar esse cuidado.  

Como cuidar das lentes de contato

Para que os olhos permaneçam saudáveis e também confortáveis, existem algumas práticas consideradas essenciais pelos oftalmologistas.

1. Lave as mãos

A primeira etapa para tocar as lentes de contato é lavar bem as mãos. Seja para colocar ou retirar dos olhos, é fundamental que a pele esteja limpa. Isso evita que germes e sujeiras se transmitam para os olhos. 

Outras dicas para esse momento são: 

  • Lave as mãos por, pelo menos, 20 segundos
  • Não use sabonetes hidratantes (utilize os neutros)
  • Seque bem as mãos
  • Não utilize toalhas que soltem fiapos.

2. Ao retirar a lente

Quando as lentes forem retiradas, utilize a solução de limpeza indicada pelo oftalmologista. Essas soluções podem ser diferentes para cada tipo de lente. Dessa forma, é importante que as instruções sejam levadas à sério.

Na hora da limpeza, esfregue a lente de maneira suave, para que não haja danos. Cuidados com unhas grandes, por exemplo, são necessários para que a lente de contato não rasgue. 

Após isso, enxague de maneira abundante com soro fisiológico, evitando qualquer resíduo que tenha ficado por ali. 

É muito importante não usar água de torneira nesse momento, para proteger os olhos da ceratite por Acanthamoeba.

Quando as lentes forem novamente colocadas, é preciso que as mãos estejam limpas, assim como as lentes. O ideal é não ficar com as lentes por mais tempo do que o recomendado pelo seu oftalmologista. 

Não utilize nenhum outro objeto para manusear as lentes de contato, como pinças, por exemplo. Isso pode danificar tanto a lente quanto machucar os olhos. 

3. Guarde no estojo

O estojo onde as lentes vão ser guardadas também devem estar limpos. Retire a solução que estiver depositada e reencha o local com uma nova dose. 

É necessário realizar a limpeza do estojo todos os dias. Para isso, utilize água troque a solução que fica dentro dele. A substituição do estojo deve ser feita em até 3 meses.

Aliás, é importante lembrar que a embalagem que contém a solução também precisa estar bem fechada e guardada. É ideal que a ponta não seja encostada em qualquer lugar e que as orientações sejam seguidas conforme descrito. 

5. Secura e alergias

Algumas pessoas apresentam secura nos olhos e irritações alérgicas, quando utilizam lentes. Se esse for o caso, é necessário procurar um médico, para que as lentes e os cuidados sejam analisados. 

6. Validade

Apesar de essa ser uma indicação que parece simples, algumas pessoas esquecem de olhar a validade dos produtos. Tanto as lentes quanto as soluções de limpeza devem, sempre, estar dentro do prazo de validade. 

Além disso, é preciso que sejam produtos validados pela ANVISA. Os olhos são locais muito sensíveis. Por isso, todos os cuidados são de extrema importância para que não haja nenhuma complicação.

Confira um vídeo exclusivo do Dr Cesar Lipener sobre o uso e cuidados com as lentes de contato:

Busque auxílio médico

Apesar de todos esses cuidados, o ideal é realizar o acompanhamento oftalmológico de maneira correta. Além disso, caso haja qualquer desconforto, o médico é o primeiro que deve ser procurado. 

A Clínica de Oftalmologia Integrada (COI) está sempre disponível para te atender. Entre em contato com um de nossos atendentes e marque uma consulta.

 

Ricardo Filippo
Especialista em Cirurgia Refrativa a Laser e Ceratocone
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Para mais informações sobre sua experiência na área,
clique aqui.